domingo, 26 de março de 2017

Agenda Barca das Letras 2017

- Barca das Letras na Semana Indígena Serra da Mesa(Uruaçu/GO)
Local: Memorial Serra da Mesa
Data: 21/04/2017 - manhã


- Barca das Letras na Aldeia Tembé(Santa Luzia do Pará/PA)
Local: Aldeia Itaputyr
Data 29/04/2017

Contatos:
barcadasletras@gmail.com
(61)98355 7232 - Jonas Banhos
http://barcadasletras.blogspot.com.br

terça-feira, 7 de março de 2017

Doação de livros em Brasília para a Barca das Letras




Doe livros de literatura infantil, gibis e mangás para as crianças ribeirinhas, quilombolas e indígenas do Pará, que sempre vêm brincar de ler na Biblioteca Itinerante Infantil Barca das Letras.

Barca das Letras na Aldeia Itaputyr Tembé - maio/2015




Próxima ação de distribuição de livros:
Aldeia Indígena Itaputyr Tembé - Município de Santa Luzia do Pará(PA)
Data prevista: 29/04/2017



Contatos:
(61) 98355 7232 - Jonas Banhos(tim/whatsapp)
barcadasletras@gmail.com
http://barcadasletras.blogspot.com.br


terça-feira, 21 de fevereiro de 2017

Barca das Letras inundando com alegrias as crianças do Riacho(Ourém/PA)

Crianças do Riacho receberam amorosamente a Barca das Letras


A comunidade Riacho está localizada na zona rural do município de Ourém, no nordeste do Pará, distante 200 km de Belém, dos quais 16 km são de estrada de piçarra. É a última comunidade da estrada esburacada, cheia de subidas e descidas. Lá vivem felizes famílias(muitas de origem nordestina) que sobrevivem dignamente da extração e comercialização do fruto do açai nosso de cada dia. E lá, a Biblioteca Itinerante Infantil Barca das Letras ancorou para realizar a sua segunda intervenção lúdica de 2017, na manhã/tarde do último sábado, dia 18 de fevereiro, na sede da Associação dos Produtores de Açai do Riacho(APAR), gentilmente cedida pela diretoria.

Mais de vinte crianças acompanhadas de seus pais, tios e avós já esperavam ansiosas a chegada da biblioteca e de seus voluntários. Assim que a Barca Das Letras aportou as crianças vieram abraçar os voluntários e ajudar a desembarcar os livros e toda a decoração. Em seguida, já foram montando a biblioteca do seu jeito, colorindo o chão, as paredes e, claro, também se enfeitando com as fantasias que logo foram surgindo de dentro das mochilas dos voluntários.E tudo ao som do violino clássico do voluntário-escritor-poeta Henrique Lobato.



Após as primeiras rodas de leituras dos livros e gibis promovidas por todos os voluntários, as crianças começaram a receber as atrações, com muita alegria e carinho. O Grupo Xamã de Contadores de Histórias, formado por Janete Borges, Joana Chagas e Henrique Lobato atrairam os olhares e ouvidos curiosos com várias histórias, cheias de encanto e magia. Após, foi a vez da Trupe Nós, Os Pernaltas, formada por Johnny Russel, Musa Russel, Lú Maués, Rande Frank e, o convidado especial, Nivaldo Coelho, representando o Carimbó. A criançada riu à bessa das palhaçadas da Trupe e participou das brincadeiras propostas pelos integrantes.


Seguindo a correnteza do rio das letras, após uma pequena pausa para o apetitoso lanche(o legítimo cachorro quente com carne moída, bolo de macaxeira, pão caseiro, suco de goiaba e de cupuaçu, chocolate quente, café, leite etc), as crianças receberam o escritor, poeta e cordelista de Capanema, o Mario Zumba que presenteou as crianças com a leitura do seu livro de literatura infantil cordel "A História dos dois Moisés.. e a cobra papagaio". Depois, foi a vez do escritor e cordelista Claudio Cardoso entoar diversos cordéis e apresentar seu mais novo cordel "A Peleja", recitada com maestria por ele mesmo, Mario Zumba e Dhara Cardoso. A platéia, atenta, riu bastante da história e ficou extasiada ao final da peleja. Logo em seguida o leitor de cordéis e morador da comunidade, o Albertino Barros, recitou um cordel que herdou do seu pai, que o incentivava a ler quando criança. 


Na sequência, foi a vez do agitador cultural Arlindo Matos fazer sua estréia como contador de histórias da Barca das Letras, apresentando para a criançada atenta "As aventuras de Mogli", que ele resgatou de suas memórias infantis, nos tempos do pequeno vinil. E aí, mais uma parada estratégica, desta vez para o delicioso almoço regional comunitário, cuja a atração principal foi a especialidade da comunidade, o açai do grosso(com charque), batido na hora, acompanhado de um feijão adubado com bucho! Tudo carinhosamente preparado e ofertado pelos pais, mães e avós das crianças! E para relaxar, as crianças foram presenteadas com a cantoria de Rande Frank que encantou a platéia com MPB da melhor qualidade.



E dando prosseguimento às atividades da tarde, rolou mais brincadeiras com o tio palhaço Ribeirinho e a palhaça Zitinha, que colocaram as crianças para ler trava-linguas, trovas de Juraci Siqueira; cantar músicas tradicionais infantis; pintar e desenhar. A professora das crianças e articuladora da Barca das Letras na comunidade, a Luciane Vasques preparou com um grupo de crianças um bonito painel para ser exposto durante a FliGuamá 2017(Festa da Leitura Infantil do Rio Guamá), que ocorrerá no segundo fim de semana de dezembro, na Pousada Luar Lindo, em Ourém.

E acompanhando o barulhinho bom da tradicional chuva da tarde, as crianças receberam a doação, com muita alegria, de mais de 300 livros/gibis/mangás, material escolar e brinquedos & uma encicloplédia Barsa doada para a Escola Municipal; bombom, pipoca e balão jogados para o alto! E o encerramento acabou com o Bloco do Riacho, organizado pela Dona Maria do Carmo, que sempre colocava os pais das crianças para brincarem o carnaval e resolveu reviver com a criançada atual! Foi um bonito, alegre e colorido encerramento. Em dezembro nos reencontraremos e nos reencantaremos amorosamente, novamente!



Té lá criançada do Riacho!
E viva a leitura!
Viva a Cultura Viva Comunitária!

Esta foi mais uma realização conjunta da Barca das Letras e da Fundação Cultural de Artes e Esportes Mundico e Manola(Funcartemm) e contou com o apoio dos voluntários vindos de Belém, Capanema, Ourém e Brasília; das lideranças da Comunidade Riacho; Associação dos Produtores de Açai do Riacho(APAR); Professora Luciane Vasques e da liderança Maria do Carmo, as articuladoras da ação na comunidade; Prefeitura Municipal de Ourém; Pousada Luar Lindo; Sebão Barca Das Letras localizado dentro da Loja Airy Gavião Artes e Artesanatos em São Jorge/GO; doadores de recuR$os financeiros Thiago Duarte, Arlindo Matos e Jonas Banhos; Editora Cromos; Blog Editais de Cultura; e dos doadores de livros/gibis/mangás moradores de Brasília.

As fotos foram feitas por Arlindo Matos, Janete Borges, Johnny Russel e Jonas Banhos e o álbum completo está disponível em:

P.S.: Só utilize nossas fotos mediante autorização expressa de Jonas Banhos. Gentileza entrar em contato!
Gratidão a todos!

Para doações de livros/gibis/mangás/recuR$os:
(61)98355 7232 - Jonas Banhos